Um motorista é suspenso a cada 15 minutos no Rio Grande do Sul

transito

A cada 15 minutos, um motorista gaúcho tem suspenso ou cassado o direito de dirigir. Segundo dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RS), 42.762 habilitados estão atualmente suspensos (36.982) ou cassados (5.780). Somando as duas situações, quase um a cada cem condutores está impedido de estar ao volante – o Rio Grande do Sul tem 4,46 milhões de motoristas.

No Estado, a aplicação das punições previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), em vigor desde janeiro de 1998, foi acelerada após a implantação da Divisão de Cassação e Suspensão de Condutores em agosto passado. Na época, cerca de 7 mil processos de cassação ou suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) aguardavam julgamento. Hoje, não existem processos em atraso.

– A cassação não era aplicada por causa da estrutura. A partir da criação da divisão, foi possível dar celeridade aos processos – explica Anderson Paz Barcellos, chefe do setor.

A suspensão do direito de dirigir, por prazos entre um e 12 meses, pode ocorrer quando o motorista atinge 20 ou mais pontos em seu prontuário ou quando comete infrações cuja pena prevista é a própria suspensão, como dirigir sob efeito de álcool. A cassação se dá quando o condutor suspenso ou condenado judicialmente por delito de trânsito é flagrado dirigindo ou ainda no caso de reincidência em determinadas infrações. Antes de as penalidades serem aplicadas, o motorista tem o direito de apresentar defesa.

Fonte: Click RBS

Comentários

Comentários

« Voltar