Roger Waters se diz arrependido de processo contra integrantes do Pink Floyd e planeja álbum solo

391541

Roger Waters está de volta ao batente. Após 21 anos de seu último álbum solo de estúdio, “Amused to death” (1992), o artista pretende lançar um novo trabalho. A revelação aconteceu durante entrevista ao canal BBC. “Tive uma ideia muito forte e vou persegui-la. Vou gravar pelo menos mais um trabalho e cravarei meus dentes nisso”, garante o músico.

Outro ponto surpreendente foi quando ele afirmou que se arrependeu de tentar impedir que seus ex-companheiros de Pink Floyd, David Gilmour, Nick Mason e Richard Wright, usassem o nome da banda. “É claro que eu estava errado. Quem se importa? Era uma decisão comercial”, disse Waters. “Foi uma das poucas vezes que o Direito me ensinou algo. Quando disse que o Pink Floyd tinha deixado de ser o que era antes, eles disseram que a marca ainda tinha valor comercial e eu não podia simplesmente extingui-la.”

Comentários

Comentários

« Voltar