Renato brinca sobre renovação: “Falta o presidente me chamar para tomar um Cowboyzinho”

“Falta o presidente me chamar para tomar um Cowboyzinho (uísque puro, sem gelo).” Em tom de brincadeira, foi assim que o técnico Renato Portaluppi respondeu sobre o que falta para sua renovação com o Grêmio durante entrevista coletiva após a goleada contra o São Paulo – que garantiu vaga direta na Libertadores do próximo ano. Ao seu lado, o dirigente máximo do clube, Romildo Bolzan, disse que ambas as partes têm o mesmo interesse e rebateu que “pode ser um chope, porque eu ganho dele nos dois”.

Conforme Renato, o time completou sua missão no campeonato: “Eu garanti que o Grêmio estaria na Libertadores e isso se concretizou. É o quinto ano consecutivo. Devemos isso ao nosso grupo, se alguém merece uma classificação, é ele”, afirmou o treinador, que fez projeções para 2020. De acordo com o ex-camisa 7, é importante, antes, terminar ano. E ele disse que não dará folga para nenhum atleta: “Pelo profissionalismo que temos, não vou pedir para o grupo descansar. Ainda temos dois jogos, para ninguém dizer que beneficiamos o Cruzeiro ou o Ceará, vou fazer jogo normal”, afirmou. Na próxima quinta, o Tricolor enfrenta a equipe mineira, na Arena.

Questionado se existia um sentimento dentro do vestiário para rebaixar o Cruzeiro, Renato negou. Comentou que adora o time e a torcida deles, mas frisou que é técnico do Grêmio. “É mais um jogo, somos profissionais. Um clube do tamanho do Cruzeiro, se tiver que acontecer (cair para série B), alguém vai apagar a luz. Ou deles ou do Ceará. Não vai ser o Grêmio ou uma outra equipe que vai rebaixar Cruzeiro ou Ceará. O rebaixamento de um clube é o que ele faz no campeonato todo. Você não é rebaixado em uma partida. E aí você tem sua consciência. Não queremos saber contra quem vamos jogar, temos nossos valores”, defendeu.

Luciano e Maicon
Renato também comentou a expectativa de contar com Luciano para o próximo ano. “Falei para a direção fazer esforço. Que bom que está dando resposta, nunca vamos buscar um jogador esperando que não vai render. Ele é um dos destaques hoje pelas chances que está tendo, mas nem sempre vamos acertar”, avaliou.

O técnico ainda disse esperar Maicon em plena forma física. O camisa 8 pretende fazer uma cirurgia no joelho o mais cedo possível para ficar recuperado o quanto antes, mas lembrou que há o período de recesso dos atletas. “Vou conversar com ele essa semana para ver o que ele precisa para ganhar tempo. Vamos sentar com ele essa semana. Mas também temos aquele ‘E as minhas férias?’ É isso que ele está perguntando”, afirmou.

O Grêmio volta aos treinamentos na segunda-feira, às 15h. O jogo contra a Raposa mineira na quinta-feira, às 19h15min, na Arena.
Fonte:Correio do povo

Comentários

Comentários

« Voltar