Negociação de drogas é interrompida na fronteira com Uruguai

A Polícia Federal confirmou na manhã desta quinta-feira a prisão de cinco traficantes com meio quilo de “skunk”, maconha modificada geneticamente para aumentar a concentração do princiípio ativo THC da planta, em Santana do Livramento, na fronteira com Rivera, no Uruguai. Durante a madrugada, os criminosos negociavam a droga com dois estrangeiros que escaparam para o lado do outro país.

Os agentes da PF perseguiram os cinco traficantes que fugiram em um Renault Clio, com placas de Cachoeirinha, sendo efetuadas prisões em uma residência onde tentaram se esconder a perseguição.

A suspeita dos policiais federais é a de que a droga seja oriunda de cultivo no Uruguai e que abasteceria pontos de tráfico da Região Metropolitana de Porto Alegre. As informações serão compartilhadas agora com as autoridades uruguaias.

Foto: Polícia Federal / CP
Por
Correio do Povo

Comentários

Comentários

« Voltar