Lauryn Hill é condenada a três meses de prisão por sonegação fiscal

14996748

Uma semana depois de anunciar que havia assinado contrato com a gravadora Sony para lançar novas músicas – e conseguir pagar suas contas –, a cantora Lauryn Hill teve sua prisão decretada. Ela teria deixado de declarar sua renda de 2005 a 2007. A pena é de três meses de cárcere, seguidos de mais três meses de prisão domicilar, segundo a revista Spin. Após esse período, ela ficará nove meses em liberdade condicional.

O contrato com a Sony era um acordo. A cantora voltava a lançar músicas inéditas (15 anos depois do seu primeiro e único álbum solo, The Miseducation of Lauryn Hill, de 1998), e a gravadora pagava as contas atrasadas de Lauryn. No domingo, o advogado da cantora afirmou que ela havia quitado US$ 900 mil em dívidas.

Durante 2005 e 2007, a cantora arrecadou US$ 1,8 milhão, mas não declarou sua renda para garantir “a segurança e o bem-estar” de sua família. Em 2012, ela já havia sido condenada a três anos de prisão, mas pagou fiança e não cumpriu pena.

Na sexta-feira, a música Neurotic Society foi publicada no iTunes. Em seu tumblr, a cantora afirmou que “num cenário ideal, eu não teria que me apressar para lançar músicas novas, mas a mensagem está aí”.

Comentários

Comentários

« Voltar